A EDUCAÇÃO NA COMPLEXIDADE CONTEMPORÂNEA

  • Romildo Ricardo Ramlow Unochapecó
  • Ireno Antônio Berticelli Unochapecó

Resumo

O presente artigo propõe apresentar a pesquisa em educação na contemporaneidade numa perspectiva condizente aos avanços científicos. A partir do paradigma da complexidade, a pesquisa em educação e o próprio ato educativo exigem uma nova forma de pensar e organizar as instituições de ensino. Sem abandonar outras formas de pensar e ensinar, o paradigma da complexidade é uma proposta de pensar integradora, globalizante e múltipla. Numa sociedade pós-moderna urge a necessidade dos educadores considerarem a complexidade como princípio pedagógico e pressuposto de todo conhecimento, uma vez que a educação sugere a complexa tensão entre conservação e inovação. Reconhecemos que não é possível estabelecer limites e conclusões em definitivo quando optamos tratar da pesquisa em educação sob a ótica da complexidade. Este trabalho apenas teve a pretensão de tratar a educação na contemporaneidade devido às exigências frente à realidade planetária e as demandas sociais, políticas e econômicas. A reforma do pensamento e das instituições foi e sempre será uma necessidade contemporânea de todos aqueles envolvidos com a educação justificando a importância de novas perspectivas epistemológicas. 

Biografia do Autor

Romildo Ricardo Ramlow, Unochapecó
Mestre em Educação pela Unochapecó. Bacharel em Teologia pela Fatev. Bacharel em Serviço Social pela Uniasselvi.
Ireno Antônio Berticelli, Unochapecó
Doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).
Publicado
2018-09-19
Como Citar
RamlowR., & BerticelliI. (2018). A EDUCAÇÃO NA COMPLEXIDADE CONTEMPORÂNEA. Revista Contexto & Educação, 33(106), 72-83. https://doi.org/10.21527/2179-1309.2018.106.72-83
Seção
Dossiê: Pensamento Complexo e Transdisciplinar: desafios educacionais