OS EFEITOS DOS EXERCÍCIOS FÍSICOS NA CAPACIDADE FUNCIONAL DE PACIENTES SUBMETIDAS À MASTECTOMIA: UMA REVISÃO LITERÁRIA

  • Tiago José Nardi Gomes Centro Universitário Franciscano.
  • Vivian da Pieve Antunes Centro Universitário Franciscano.
  • Natália Fernandes Mezzomo Centro Universitário Franciscano.
  • Leticia Castagna Centro Universitário Franciscano
  • Patrícia de Moraes Costa Universidade Federal de Santa Maria
Palavras-chave: Mastectomia, fisioterapia, exercício aeróbico, neoplasias da mama, atividade motora.

Resumo

O câncer de mama é uma doença estigmatizada que amedronta as mulheres.  A cirurgia de câncer de mama está ligada a alterações, sequelas e complicações em até 70% das mulheres acometidas, afetando sua qualidade de vida, apresentando após a cirurgia dificuldades em realizar suas atividades de vida diária. Na tentativa de minimizar os agravos físicos, psicológicos e sociais pós tratamento do câncer existem várias práticas complementares e auxiliares ao tratamento do câncer, dentre essas enfatizamos a prática da atividade física que repercute em benefícios diretos, aumentando a capacidade funcional. Este estudo visou abordar a importância do exercício físico em pacientes com câncer de mama que realizaram mastectomia e demonstrar seus benefícios. Realizou-se revisão de literatura através de bases de dados eletrônicas Lilacs, PEDro, Scielo, Bireme e PubMed. Vários estudos comprovam a importância do exercício para a melhora da capacidade funcional e qualidade de vida e salientam que para que apresentem o efeito desejado deve ser realizado de forma regular e constante e com acompanhamento profissional. Alguns autores citam fatores que dificultam a realização dos exercícios para estas pacientes, como a falta de tempo, efeitos colaterais do tratamento, desanimo, entre outros. Essa revisão concluiu que os exercícios físicos quando realizados de maneira correta e acompanhados de um profissional conferiram efeitos positivos aos pacientes abordados, mas, no entanto, ainda não fazem parte da rotina de muitos pacientes, justificando a necessidade de divulgação e maiores estudos sobre o tema.

Biografia do Autor

Tiago José Nardi Gomes, Centro Universitário Franciscano.
Fisioterapeuta, Especialista em Fisioterapia Cardiorrespiratória (ICFUC-RS); Mestre em Ciências da Saúde, Área de Concentração Cardiologia (ICFUC-RS); Professor do curso de Fisioterapia do Centro Universitário Franciscano, Santa Maria, RS, Brasil, Professor convidado da Pós-Graduação em Reabilitação Físico-Motora: Área de concentração hospitalar UFSM
Vivian da Pieve Antunes, Centro Universitário Franciscano.
Fisioterapeuta, Especialista em Fisioterapia Neurofuncional (IPA); Especialista em Terapia Intensiva Neonatal (ASSOBRAFIR); Mestre em Distúrbios da Comunicação Humana, Universidade Federal de Santa Maria, UFSM; Professora do curso de Fisioterapia do Centro Universitário Franciscano, Santa Maria, RS, Brasil
Natália Fernandes Mezzomo, Centro Universitário Franciscano.
Acadêmica de Fisioterapia do Centro Universitário Franciscano.
Leticia Castagna, Centro Universitário Franciscano
Acadêmica de Fisioterapia do Centro Universitário Franciscano.
Patrícia de Moraes Costa, Universidade Federal de Santa Maria
Médica Geriatra, Mestrado em Medicina e Ciências da Saúde pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e Doutorado em Medicina e Ciências da Saúde pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Professora Adjunta do Departamento de Clínica Médica da Universidade Federal de Santa Maria.
Publicado
2016-12-22
Como Citar
GomesT. J., AntunesV., MezzomoN., CastagnaL., & CostaP. (2016). OS EFEITOS DOS EXERCÍCIOS FÍSICOS NA CAPACIDADE FUNCIONAL DE PACIENTES SUBMETIDAS À MASTECTOMIA: UMA REVISÃO LITERÁRIA. Revista Contexto & Saúde, 16(31), 89-95. https://doi.org/10.21527/2176-7114.2016.31.89-95
Seção
Fisioterapia & Saúde